por Priscila Petiti*

Olá!
Já que para muitos brasileiros o ano só começa depois do carnaval, minha primeira coluna do ano traz o tema das energias renovadas. E para trazer essa boa expectativa de renovação, que tal começar organizando o guarda roupa, com tudo no lugar? Então, mãos à obra! Aqui vão algumas dicas pra deixar seu guarda roupa super bacana!

Vamos começar pelos cintos. Uma forma bastante prática de guardar os cintos é enrolá-los, um a um, e acomodá-los nos nichos de um organizador de gaveta. Você pode arrumá-los por cor ou por frequência de uso, colocando os mais utilizados na frente. Indicado para arrumar também calcinhas e meias, este tipo de organizador, de madeira ou acrílico, é comercializado em variados tamanhos. As meias devem ser colocadas um par em cada nicho, assim você diminui a chance de perder um dos “pés”.

Mas não basta ter um organizador para ter uma gaveta arrumada: manter a rotina é fundamental. Por isso, tirou, recoloque no mesmo lugar. Existem organizadores específicos para sutiãs, mas uma opção é colocá-los diretamente em uma gaveta, enfileirados, porque organizados assim, a possível deformação das peças com bojo é evitada. Dependendo da quantidade e variedade deste tipo de roupa íntima, uma dica é agrupá-las por cor ou por frequência de uso, deixando os mais utilizados na frente.

Os jogos de banho podem ser colocados no guarda roupa em caixas de TNT, em cestos, diretamente em gavetões ou em prateleiras. Agrupe as peças de cada jogo e organize-os por cor. Para as toalhas avulsas, uma dica é empilhá-las seguindo uma ordem crescente de tonalidades, da mais clara até a mais escura. Para facilitar na hora de escolher essas peças, em especial as avulsas, uma alternativa é acomodá-las dentro de capas plásticas, identificadas por etiquetas.

As roupas de ginástica devem ser organizadas em uma mesma gaveta. Se possível, acomode as calças enroladas e as demais peças, dobradas. Dependendo da quantidade e variedade de itens, você pode agrupá-los por cor, empilhados ou em cascata.

As prateleiras dentro do guarda roupa são ótimos lugares para arrumar malhas, tricôs, bolsas, assim como as calças jeans e as de moletom, sempre dobradas e empilhadas. As malhas e tricôs podem ser agrupados por cor ou tipo de gola (por exemplo, faça três pilhas, uma com peças de gola arredondada, outra com as de gola alta e mais uma, para as com gola “v”).

Para a organização dos pijamas no armário, primeiro separe os jogos e as peças avulsas. Na gaveta, a sugestão é agrupá-los, empilhados ou acomodados em cascata, em duas fileiras: uma, para os de verão e outra para os de inverno.

As bolsas devem ser agrupadas por frequência de uso, tamanho e cor. Para preservar o formato das peças, providencie algum enchimento, por exemplo, um saquinho preenchido por plástico bolha.

Guarda roupa feminino
Em cabides, pendure blusinhas, calças sociais, saias, vestidos, camisas, casacos, jaquetas e blazers. Se atente ao tipo de cabide utilizado, ele deve suportar o peso da roupa sem quebrar ou deformar a peça.

Para uma maior praticidade na hora de retirá-los, disponha todos os cabides com o gancho virado para dentro do armário. Arrume as peças por famílias, pendure as camisas, na sequência as blusinhas de manga longa e em seguida, as sem manga.

Guarda roupa masculino
Em cabides, pendure camisas, camisetas, calças sociais, ternos, blazers, jaquetas e casacos. A preocupação com os cabides é a mesma: deve suportar o peso da roupa sem quebrar ou deformar a peça e os ganchos virados para dentro do armário.

Pendure os ternos, na sequência as jaquetas jeans e em seguida as camisas. Uma opção é pendurar as calças em cabides. Neste caso, para obter uma estética agradável, posicione o cavalo de todas as peças para o lado de dentro do armário. O aconselhável é pendurar as calças em cabides individuais.

Os calçados podem ser organizados dentro da sapateira ou no guarda-roupa, em caixas de plástico, com furos para ventilação. Para uma melhor visualização, posicione um pé em frente ao outro ou então deixe nas fileiras do fundo os sapatos menos utilizados, como os de festa. Se optar pelo uso da prateleira e também das caixas plásticas, faça o rodízio de estação: por exemplo, enquanto durar o verão.

Depois dessas dicas, você não vai querer passar o ano todo na bagunça, não é? Espero ter ajudado.

Até a próxima.

*Priscila Petiti é empresária, aficcionada por decoração e escreve quinzenalmente para o Perfil WEspanha

 

Deixe uma resposta

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.