Por Alessandra Espanha

Qual mulher não é apaixonada por saltos e que não se sente muito mais poderosa em cima dessa verdadeira “arma de sedução”? Mas cá entre nós, qual de nós nunca se arrependeu amargamente ou sofreu com as dores que um sapato desconfortável pode causar? O salto alto com certeza é um dos acessórios mais desejados por mulheres de todo o mundo e manter a elegância, a firmeza e os pés livres de machucados é uma verdadeira ciência, mas pode ser dominada por qualquer mulher.

Alguns truques, como palmilhas avulsas, protetores de calcanhar e amortecedores podem até diminuir este desconforto, mas nada como um sapato realmente confortável e que não perca seu charme por causa disso.

É bem verdade que nenhum salto alto se compara ao conforto de um par de tênis ou chinelos, mas certos modelos são, sim, muito mais compatíveis com a anatomia dos pés e, portanto, causam menos dor e prejuízos à saúde. E não, não são apenas aqueles saltinhos de 3 cm que ninguém gosta de usar.

Procure os modelos que se encaixem bem à curva dos seus pés, isso lhe dará mais estabilidade. Olhe também a posição do salto: se ele está posicionado muito para trás, não vai sustentar seu peso apropriadamente, porque a linha de centro do salto é no centro calcanhar.

Eu sei que os saltos largos até cumprem esse papel de serem mais confortáveis, mas nada se compara aos saltos mais finos: muito mais elegantes. Escolha os modelos que começam ligeiramente mais grossos e vão afinando em sua extensão.

Saltos com “meia pata” – aquela plataforma somente na parte do sapato – ajuda muito porque, além de melhorar a curva e assentar melhor os pés, aumenta um pouquinho mais nossa estatura. Se eles vierem com palmilhas acolchoadas, melhor ainda.

Preste atenção também à sola. As de madeira ou plástico são muito rígidas e não são uma boa opção, principalmente quando você vai ficar algum tempo de pé com o salto. Prefira as solas de couro ou emborrachadas, que cedem um pouco ao movimento dos pés e aos desníveis do solo.

Por fim, avalie se o sapato fica bem “preso” ao seu pé. Quanto mais seu pé escorregar para fora ou se soltar durante o caminhar, mais desconfortável o sapato será. Seus sapatos devem ser uma espécie de extensão do seu corpo e não algo estranho que pode se soltar a qualquer momento.

PERFIL WE, cada um tem o seu e nós temos as melhores dicas.
Perdeu a programação da semana?
Leia com exclusividade as dicas aqui no portal e assista este e outros vídeos no canal YouTube.com/PerfilWE

Deixe uma resposta

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.