por Camila Paschoalin Fontenelle

Depois dos estilos Hippie e Punk, o Grunge, que foi a maior tendência dos anos 90, está voltando com tudo para inspirar a próxima coleção de outono/inverno e para dominar o ranking da nossa lista de desejos.

Famoso por não estabelecer qualquer tipo de conduta ou regra, o estilo, que teve como percursor o cantor Kurt Cobain do Nirvana, conta com looks descolados e irreverentes.

Antigamente caracterizado como uma tendência “antimoda” pelo grande uso de roupas surradas, cabelos despenteados e botas e sapatos desgastados, o Grunge surgiu no fim da década de 80 em Seattle (EUA) e teve como maiores inspirações o hardcore punk, o heavy metal e o indie rock.

O sucesso de bandas como Nirvana e Pearl Jam, na década de 90, impulsionou a popularidade do rock alternativo e fez com que o grunge, fosse a forma mais popular de hard rock na época.

A título de curiosidade, o termo “grunge”, em seu sentido original, significa “sujeira” ou “imundice” e descreve exatamente o estilo visual das bandas e fãs da época descrita.

Mais de vinte anos depois, essa moda volta totalmente repaginada! Ela deixa de lado seu estilo desleixado, para vir cheia de novas nuances, com produções mais glamourosas e com pegadas mais urbanas.

O must das produções vai ficar por conta da peça chave dessa tendência que é a camisa xadrez, de preferência de flanela, misturada com peças jeans. As sobreposições e as peças oversized são muito bem vindas também e as camisas amarradas à cintura são o ponto alto dessa tendência!

O segredo é não ter medo de misturar t-shirts estampadas e com fotos de bandas com camisas ou qualquer outra peça xadrez, com peças de couro, tricôts e jeans bem detonados. A intenção é fazer estilo de “me arrumei em 5 minutos”!

Para os pés, as produções que levam o estilo grunge ao pé da letra, podem abusar de tênis, rasteiras abotinadas, ankle boots, espadrilles e coturnos. Mas para aquelas produções que pedem um pouco mais de glamour, podemos fazer um jogo de “high-low” e misturar elementos do estilo grunge com scarpins finos e sandálias delicadas.

Eu, particularmente, amo esse estilo e já estou de olho em uma camisa xadrez de vermelho e preto que é o famoso xadrez tartan! De todos os outros estilos acho o grunge o mais irreverente, ousado, renovado e democrático, pois imprimimos a nossa personalidade no nosso look!

Não se esqueçam, nesse outono/inverno o xadrez poderá acompanhar estampas florais, elementos geométricos, camisetas de banda e até animal print, basta definir o traço do estilo que melhor te define e assumir seu melhor estilo grunge sem medo de errar!

Espero que tenham gostado da minha primeira matéria! Até a próxima!

Bjim
Camila Paschoalin Fontenelle

[new_royalslider id=”200″]

Deixe uma resposta

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.