ASSISTA | ANTONIA, UMA SINFONIA

Esse romance|drama conta a emocionante história da primeira regente da filarmônica de Nova York.

Em pleno 2021, é impressionante como ainda vemos filmes que retratem, pela primeira vez, a história de alguma mulher no mundo que conseguiu ser a primeira numa determinada carreira. Isso reflete o quanto não só essas histórias de exemplo permanecem desconhecidas ao grande público, mesmo nos dias de hoje, como também ficaram escondidas, esquecidas, talvez até de forma proposital, para que não fossem conhecidas. Uma pena!
Mas, para nossa sorte, chega às plataformas de streaming o filme ‘Antonia – Uma Sinfonia’, uma dessas joias que precisam ser apreciadas pelos cinéfilos.

Nesse best-seller europeu, adaptado para o cinema, conhecemos a vida de Antonia Brico (Christianne de Bruijin), que mais tarde adotaria seu nome de origem, Antonia Brico, uma jovem pobre holandesa, migrante nos Estados Unidos na década de 1920, que tem um sonho dito impossível: se tornar uma regente.

Tendo aprendido a tocar piano ainda muito pequena, Antonia tem como propósito de vida conduzir uma orquestra inteira, porém, em um mundo literalmente regido por homens, ela encontra diversos empecilhos na sua jornada para se tornar quem nasceu para ser. No caminho, conhece o belo e rico Frank Thomsen (Benjamin Wainwright), por quem seu amor pela música chega a ficar abalado, e Robin Jones (Scott Turner Schofield), que se torna seu grande e querido amigo.

O roteiro e a direção do longa ficaram a cargo de Maria Peters, o que fez toda a diferença no resultado final de ‘Antonia – Uma Sinfonia’.

Podemos comparar o trabalho da diretora ao da própria biografada – uma regente de sinfonia – que, além de estudar a obra (o roteiro), precisa encontrar o tom certo para conduzir todas as frentes que compõem a feitura de um longa-metragem: figurino, direção de arte, fotografia, trilha sonora, elenco, etc – e, assim como Antonia, Maria Peters tem pulso firme e construiu um filme à altura da biografada, dosando bem a ambição dessa musicista cujo sonho era ousado demais para a época em que viveu com a evolução da história dos Estados Unidos e da Europa – locais por onde transitou e trabalhou.

A produção afinada do longa pensou em todos os detalhes para reconstruir as décadas de 1920 e 1930 com requinte, contrastando a vida da protagonista com a sociedade que a circundava e o declínio gradativo dessa mesma sociedade estadunidense entrando na Grande Depressão.

O único deslize em ‘Antonia – Uma Sinfonia’ é a construção da história amorosa entre a protagonista e Frank, que foi bem dosada no início mas que, no seu auge, foi acelerada, o que gera um pouco de frustração no espectador.

‘Antonia – Uma Sinfonia’ é desses filmes com ares de Oscar, com uma história real intensa, que ilustra a incrível capacidade das mulheres de terem que aturar todo tipo de tolhimento para alcançar seus sonhos. É uma história que merece ser contada e precisa ser visto pelo grande público, começando por você que leu até aqui.

O jornal diário (matinal) neerlandês –DE VOLKSKRANT , que possui uma circulação de aproximadamente 250.000 tiragens, grande parte nos Países Baixos, diz:
“Em tempos de #MeToo e de discussões sobre lugar de fala, Maria Peters resgata do passado a fascinante jornada de uma mulher, oferecendo a nós a história certa no momento certo”.

SOBRE A AUTORA
Maria Peters é uma escritora, produtora de cinema, diretora e roteirista holandesa. Três de seus filmes estão no top 20 dos filmes holandeses de maior sucesso das últimas duas décadas. Seu primeiro filme de projeção internacional, Sonny Boy, concorreu pela Holanda ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2011.

Depois de ter filmado Antonia: uma sinfonia, a história de Antonia Brico continuou a fasciná-la. Peters decidiu, então, transformar o roteiro do filme em um romance, sucesso de vendas na Europa.

Em suma, a vida de Antonia Brico na Nova Iorque de 1930, tornou-se a primeira mulher a conduzir, com sucesso, uma orquestra. Ela ousou seguir o sonho de se tornar uma maestrina, embora ninguém acreditasse ser possível uma mulher realizar, naquela época, tal feito.

ALESSANDRA ESPANHA ANTONIA UMA SINFONIA 1
ALESSANDRA ESPANHA ANTONIA UMA SINFONIA 2
ALESSANDRA ESPANHA ANTONIA UMA SINFONIA 3

Cenas de: ‘ANTONIA, UMA SINFONIA’
Fotos divulgação

Acesse o instagram @alessandraespanha para assistir a LIVE sobre a crítica do filme.

Deixe uma resposta

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.